Estratégias de Marketing Digital

Copywriting: A Habilidade que Vende Milhões

Guilherme Laschuk
Escrito por Guilherme Laschuk em 13 de julho de 2020
Copywriting: A Habilidade que Vende Milhões
Junte-se a mais de 5.023 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Se você quer ser uma pessoa que vende milhões através da Internet, você precisa conhecer e desenvolver certa habilidade: o Copywriting.

O que faz um copywriter? Ele é o profissional que vai trabalhar uma linguagem persuasiva para fazer um público realizar determinada conversão.

Onde essa habilidade é aplicada? Em todo o lugar. Não é apenas através de uma venda na internet. Em suas negociações no dia a dia você está utilizando essa habilidade e não sabe.

E essa habilidade possui alguns conceitos em destaque, e um deles foi o alvo de estudos de alguns profissionais da publicidade.

Esses profissionais analisaram o copywriting das 100 cartas de venda que mais vendiam e descobriram que 91 tinham algo em comum: a Big Idea.

O Que é a Big Idea?

Copywriting: A Habilidade que Vende Milhões - Guilherme Laschuk

É uma forma de introduzir um assunto trabalhando em cima de uma única ideia central. Todo o texto da sua carta de vendas será baseado nessa ideia. Essa Big Idea não depende apenas do quanto você conhece o seu consumidor, mas de quanto ele conhece você. É importante entender qual é o nível de consciência dele em relação ao seu produto ou serviço. Há 5 níveis de consciência de seu consumidor e/ou potencial consumidor que vamos descobrir agora.

Os 5 Níveis de Consciência do Consumidor

1. O mais consciente

Copywriting: A Habilidade que Vende Milhões - Guilherme Laschuk

Aquela pessoa já é seu cliente. Conhece sua marca, gosta dela, e só está esperando receber uma oferta para comprar de ti. Por exemplo: a Apple. É comum haver filas de compradores no dia do lançamento de um novo produto. Esses compradores são os mais conscientes, a marca não precisa desenvolver uma super campanha para atraí-los e engajá-los. Eles já a conhecem e já querem seus produtos. Eles são os clientes ideais.

2. Consciente do produto

Copywriting: A Habilidade que Vende Milhões - Guilherme Laschuk

Essa pessoa sabe que seu produto existe, sabe o que você vende, sabe os benefícios dele, mas não tem certeza se é o melhor para ele. É nesse estágio que você deve trabalhar a confiança. São os clientes que leem avaliações no site da Amazon, por exemplo. Apesar de estarem quase comprando, precisam de alguma “validação”, algum pontapé inicial para se certificarem de que comprar com você é a escolha certa.

3. Consciente da solução

Copywriting: A Habilidade que Vende Milhões - Guilherme Laschuk

Como exemplo, nesse momento de pandemia, com pessoas correndo risco de ficarem desempregadas, sem poder sair de casa, a pessoa sabe que a solução para seu negócio é trabalhar com delivery. Ela está só esperando alguém chegar com uma oferta para ela, apresentando ESSA questão como solução. Nesse estágio, o potencial cliente sabe a solução para o problema dele, mas não sabe que SEU produto oferece essa solução.

4. Consciente do problema

A pessoa sabe que tem dor nas costas de tanto trabalhar em home office. Ela sabe que tem um problema, mas não sabe, exatamente, a solução para isso. Você poderia chegar oferecendo diversas soluções, como uma mesa ergonômica, uma cadeira mais confortável, um curso de yoga para ela fazer antes e depois do expediente, etc. Afinal, ela sabe que algo está incomodando ela e sabe o quê é, mas não sabe como resolvê-lo.

5. Não consciente

A pessoa não sabe que existe um problema e não sabe que existe uma solução. Digamos que na sua cidade, no bairro mais nobre, existe um apartamento sendo vendido por R$ 50.000. Você vai dar um jeito de ir lá e comprar o produto. Por quê? É uma oportunidade. Você apenas não tinha a noção de que ela existia. Esse é o tipo de cliente mais difícil de ser conquistado. Ele não sabe que produtos como o seu existem, e não sabe que tem um problema que vale a pena solucionar.

Já sei os 5 Níveis de Consciência, e agora?

Não sabe ao certo onde aplicar o copywriting desses 5 níveis de consciência? Eu te digo: em tudo! E-mail marketing, carta de vendas, script de vídeo, uma conversa com seu(sua) namorado(a), etc. Você pode encontrar mais informações sobre cada um desses níveis no livro Great Leads, de Michael Masterson & John Forde, traduzido em português/br pela Empiricus.

Agora que você está familiarizado da importância de saber o quanto seu cliente sabe sobre você e que já existe uma “fórmula” de classificação de cada tipo de consumidor, está na hora de saber que tipo de estrutura de copywriting utilizar para conversar com cada nível. Fique atendo aos meus próximos conteúdos para saber mais!

Assista ao Vídeo Abaixo e Aprenda Mais sobre Copywriting, Big Idea e os Níveis de Consciência

Descubra mais Conteúdos Semelhantes

Curtiu o Conteúdo? Me Siga nas Redes Sociais!

Youtube: Para assistir mais vídeos sobre conteúdos de marketing digital, me siga meu Canal Guilherme Laschuk.

Instagram: @guilhermelaschuk confira os meus bastidores e os bastidores da minha equipe para entender como geramos resultados incríveis para nossos clientes.

LinkedIn: Guilherme Laschuk para começarmos a interagir por lá também 🙂